Translate

Seguidores

Total de visualizações de página

sábado, 1 de setembro de 2012

Plêiades

Ao olharmos o céu em uma noite estrelada poderemos identificar um aglomerado muito brilhante de estrelas, elas são conhecidas como Plêiades ou Sete Irmãs.
As Plêiades são visíveis no hemisfério sul no verão e no hemisfério norte no nosso inverno. Messier em seu catálogo se refere a elas pela classificação M45.
  Na verdade o aglomerado é composto por mais de 500 estrelas embora apenas seis ou sete delas sejam visíveis a olho nú. O aglomerado está distante de nós por cerca de 400 anos-luz, (1 ano-luz, equivale a  distancia que um raio de luz percorreria em 1 ano a velocidade de 300 mil km por segundo).
  O aglomerado das Plêiades fica na constelação de Touro, na imagem abaixo é o M45 que está entre Touro e Áries.

Diz a lenda que as sete filhas de Atlas e Pleione foram raptadas pelo rei do Egito Busíris, Hércules libertou-as, mas a seguir foram perseguidas por Orion que estava fascinado pela beleza das Plêiades.
Para escapar da implacável perseguição de Orion, o maior caçador de todos os tempos, as filhas recorreram a Zeus que ao seu pedido as metamorfosearam em estrelas.
  Estava então formada a constelação das sete estrelas irmãs: Alcyone, Asterope, Celaeno, Electra, Maia, Merope, Taygeta.

Transformadas em estrelas finalmente escaparam de Orion.
Por causa de um desentendimento com Zeus, Atlas recebeu o castigo de ter que carregar sobre seus ombros, para o resto da vida, o globo terrestre ( curiosamente a 1ª vértebra cervical que suporta o peso de nossa cabeça, é chamada de atlas para lembrar o sacrifício imposto ao deus grego).

Diz a lenda que olhar para o céu, Atlas sentia alívio e consolo ao ver suas belas filhas brilhando pela eternidade, sentia menos pesar para cumprir seu castigo.
As Pleiades e o Ano de 2012

 O diagrama acima mostra esquematicamente como é o sistema solar das Pleiades com o seu Sol central Alcione, sendo orbitada pelas outras irmãs.
  O diagrama também dá uma dica sobre o tão falado ciclo de luz, que se iniciará em 2012. (Há até quem acredite em catástrofes, terremotos etc etc - o filme 2012 anda faturando alto!!!)
   Note que na parte de cima o nosso sistema solar (ors) está a caminho de uma nova fase.
   Pelo diagrama a órbita do nosso sistema solar e por consequência a nossa querida Terra, está saindo do chamado ciclo de escuridão que dura cerca de 10.800 anos e entrando num novo ciclo de luz.
  Fala-se que esse período é muito importante para o nosso sistema solar pois o mesmo será banhado pelo poderoso cinturão de fótons emanados daquela constelação, sua duração está prevista para cerca de 2.160 anos.
   O fato é que essas belas imagens, lendas e diagramas e luz emanados de lugares tão longínquos podem despertar nossa imaginação e mente para imensidão do universo.
Então porque não aproveitar essa inspiração e dar um pequeno espaço em nossa mente para uma boa intenção nesse ano que inicia.
O engraçado é que eu, Bruno Fernando, tenho 7 pintas que representam essa constelação(alcyone está na minha pálpebra direita, e as outras no meu pescoço e clavicula)